Escoliose

A escoliose é nada mais que uma alteração na forma da coluna vertebral, ela se faz nos três planos tridimensionais e caracteriza-se por uma torsão e ter curvatura em “S” ou “C”, tem vários tipos e causa muito desconforto em estágios avançados da doença.

            Em casos onde a curvatura se encontram muito acentuadas os efeitos como dor, são inevitáveis, esse tipo de doença geralmente está relacionado a postura e em suma o tratamento consiste em uso de medicamentos e correções posturais.

ds00194_im03006_mcdc7_scoliosisthu_jpg

            Embarcamos em uma viagem a fim de coletar o máximo de informações possíveis sobre esse male que atinge milhares de pessoas no Brasil e no mundo.

O que causa escoliose

            Na maioria das vezes tem causas idiopáticas, ou seja, de forma desconhecidas, no entanto podem haver inúmeras motivos que podem levar a seu desenvolvimento.

Os sintomas surgem de acordo com os três principais tipos da doença e podem ser descritos de acordo com cada um, vejamos:

  • Escoliose Neuromuscular: A escoliose Neuromuscular caracteriza-se por ter origem em problemas neurológicos (paralisias cerebral e poliomielite) e musculares (fraqueza muscular e distrofias musculares, pólio).
  • Escoliose Idiopática: essa é uma das causas desconhecidas da doença e atinge a maioria dos casos da doença.
  • Escoliose Congênita: de origem embrionária na formação da criança em meio intrauterino, caracterizada pela formação dos ossos das vértebras.

Para ocorrência da escoliose idiopática existem alguns fatores de risco que devem ser considerados são eles a idade com maior risco para adolescentes na puberdade, o sexo com maior prevalência para o feminino e histórico familiar.

Sintomas da escoliose

            Os sintomas desta alteração da coluna em seus estágios iniciais são muito difíceis de serem identificados por um leigo, é necessário um olhar mais profundo de um profissional específico. Dentre os sintomas de forma geral estão:

  • Ombros e quadris aparentando assimetria
  • Coluna vertebral encurvada em “S” ou “C”
  • Desconforto muscular
  • Em alguns casos dor

Quando há ocorrência de dor é necessária uma avaliação mais criteriosa da equipe médica a fim de descartar outros tipos de doença.

Diagnóstico escoliose

diagnosis-300x300

             O diagnóstico geralmente é realizado em exames de rotina, pois não manifesta em seus estágios iniciais.

            Quando há queixa o médico realiza perguntas detalhadas e de forma específica a fim de captar os principais sinais da escoliose, em seguida é realizado o exame físico.

            Além desses, alguns exames de imagem podem ser solicitados para diagnóstico da escoliose, dentre eles estão, o raio-X do tórax, tomografia e ressonância magnética.

Tratamento

            O tratamento é baseado de acordo com alguns fatores: idade, grau de curvatura, localização e causa da doença; Em geral são aplicados dois tipos de tratamento:

  • Uso de coletes
  • Realização de cirurgia

– Uso de coletes

            Os coletes geralmente são utilizados na idade de desenvolvimento da criança, não são capazes de reverter a curva, no entanto podem estacionar o processo de evolução impedindo seu agravamento.

www.projetoescoliose.org
www.projetoescoliose.org

            Geralmente os coletes usados para o tratamento da escoliose são o de Boston, Wilmington, Milwaukee e Charleston nomes dos hospitais onde foram desenvolvidos. Cada um deles tem forma e função distinta, específicos para cada tipo de curvatura.

            As órteses geralmente são utilizadas em casos de escoliose idiopática e não apresentam resultados na neuromuscular e congênita.

– Cirurgia

            A cirurgia é indicada nos casos em que a curvatura atinge 40 graus, ela consiste em corrigir a curvatura da coluna usando hastes de metal até que ela melhore, na maioria das vezes realizada através de um corte nas costas.

            Na maioria das vezes é realizada em crianças em que tem o progresso muito acentuado da coluna em curto espaço de tempo.

            Gostou deste artigo? Leia também Qual é o melhor colchão para coluna.

One thought on “Escoliose

  1. Hey! Quick question that’s completely off topic. Do you know how to make your site mobile friendly? My blog looks weird when viewing from my iphone. I’m trying to find a template or plugin that might be able to resolve this issue. If you have any suggestions, please share. Many thanks!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *