Osteoporose na coluna

A osteoporose na coluna é nada mais que uma perda crônica da massa óssea pelo descontrole das funções das células ósseas (osteoclastos, osteocístos e osteoblastos) por perda de cálcio. Ela é um processo irreversível que causa deterioração do tecido ósseo e muitos desconfortos.

http://clinicabachmann.com.br/wp-content/uploads/2016/02/osteoporose5-300x184.jpg
http://clinicabachmann.com.br/wp-content/uploads/2016/02/osteoporose5-300×184.jpg

            Em seus estágios iniciais a osteoporose na coluna não apresenta sintomas, no entanto quando mais avançada é percebia pela perda da estatura, aumento da cifose dorsal e ou fratura das vértebras.

            Segundo a OMS o diagnóstico é medido de acordo com o DMO (Densidade Mineral Óssea) são eles normal (grau mínimo), osteopenia (desvio da normalidade de -1 a -2,5), osteoporose (abaixo de 2,51), osteoporose estabelecida (valores abaixo de 2,51 com a presença de fraturas).

            Abaixo podemos conferir de perto fatores de risco, diagnóstico médico e tratamentos que melhoram a qualidade de vida das pessoas que sofrem com a osteoporose na coluna.

imagem

Fatores de risco para osteoporose

            A osteoporose na coluna segundo o Ministério da saúde é uma doença que acomete um público com fatores de risco indicativos para desenvolvimento da doença, são eles:

  • Ter mais de 65 anos
  • Fratura
  • Baixo peso
  • Sexo feminino
  • Menopausa
  • Pouca ingestão de cálcio
  • Doenças hormonais
  • Tabagismo

Sinais e sintomas

diagnosis-300x300

            Os sinais e sintomas que se apresentam em pacientes com osteoporose na coluna representando o grupo em geral, só aparecem quando a doença já está em grau avançado, pois ela é uma doença silenciosa, na maioria das vezes é descoberta quando há ocorrência de fratura, são os sintomas:

  • Dores súbitas nas costas
  • Dificuldade em movimentar-se
  • Redução da altura
  • Deformidade na coluna – cifose

Diagnóstico da osteoporose na coluna

            O diagnóstico da osteoporose na coluna é realizado a partir de exames específicos a fim de avaliar de forma mais profunda a estrutura óssea, são eles: a radiologia, densitometria óssea e tomografia.

            Esses exames são a base para avaliação médica poder realizar o diagnóstico com base no DMO.

Tratamento de osteoporose

            O tratamento da osteopenia ou osteoporose consiste em implementar algumas medicações e introduzir uma dieta rica em cálcio, pelo risco de quebradura em alguns casos é necessária a intervenção cirúrgica.

            A principal atuação dos medicamentos está em aumentar a capacidade de absorção do cálcio nos ossos e vitamina D pelo organismo, no entanto não é recomendada a automedicação, pois o médico deverá avaliar o caso e adaptar de acordo com o caso. Dentre os mais utilizados estão:

  • Raloxifeno
  • Bifosfonato
  • Ranelato de estrôncio
  • Ageliq
  • Calde
  • Aclasta

            Uma dieta de alimentos ricos em cálcio é ideal no tratamento da osteoporose, pois ela contribui na reposição do cálcio perdido pelo organismo de forma natural, o que é muito benéfico porque não há efeitos colaterais dentre os principais alimentos pode-se destacar:

  • Leite e seus derivados
  • Feijão cozido
  • Brócolis
  • Espinafre
  • Calcitonina

Em alguns casos é necessária intervenção por parte do médico de forma cirúrgica são eles a vertebroplastia e a cifoplastia, que atuam como forma de melhorar a qualidade de vida de pacientes que sofreram a quebradura da vértebra.

– Vertebroplastia

             A vertebroplastia consiste em um processo menos evasivo que trata as dores de vértebras quebradas a partir da injeção de cimento acrílico no interior da vértebra.

 É um procedimento que possui altos resultados causando muito bem-estar aos pacientes que sofrem de osteoporose na coluna.

– Cifoplastia

            A cifoplastia tem praticamente a mesma atuação da vertebroplastia, diferenciam-se na forma de inserir o cimento acrílico.

            Chamado de cifoplastia com balão consiste em injetar um balão dentro da vértebra que faz o reposicionamento dela antes de inserir o produto colante.

            A osteoporose na coluna acomete homens e mulheres, no entanto elas tem maior propensão a desenvolve-la principalmente após a menopausa, fique atenta e realize de forma regular o exame de densitometria óssea. Foram úteis essas dicas e conhecer a doença, então leia também cifose.

One thought on “Osteoporose na coluna

  1. Excellent post. I was checking continuously this blog and I am impressed! Extremely useful info particularly the last part 🙂 I care for such information a lot. I was seeking this particular information for a long time. Thank you and good luck.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *